Busca
Menu
Busca
PUBLICIDADE

‘Amores Flácidos’ aborda gordofobia com texto maduro e personagens bem definidos

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
35 anos, bacharel em Artes Cênicas pela UNIRIO, licenciada em Letras pela Estácio de Sá, atriz, escritora, tradutora e ávida leitora nas horas vagas.
Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Quais são seus preconceitos para um relacionamento? Como deve ser a outra pessoa com quem você está saindo? O que tira seu tesão em alguém? Como alguns amigos já apontaram antes, eu não costumo ser um tipo físico específico, mas tenho um tipo geral. Pode parecer infantil, só que o gosto musical da pessoa é algo que me atrai ou brocha muito. Pela minha experiência, eu consigo suportar dentro de um quarto um filme ou um seriado que não curto muito junto com a outra pessoa, só que não dá para escutar nem uma musica que eu não goste dentro de um carro.

Lembro-me de quando eu era criança, que cheguei a pedir a minha mãe para, por favor, não tocar Roberto Carlos no carro comigo dentro. Se aparecer na radio, até vai, agora, um CD inteiro, eu não aguento escutar o Rei trancada em um carro em movimento.

Mas, e se a pessoa for careca? Se ela for mais alta do que você? Se ele for mais baixo do que você? Se usar barba? Se for bem religioso? Se ela fumar? E se for gordo?

Já assisti a alguns espetáculos escritos pelo Herton Gustavo Gratto e, apesar de “Amores Flácidos” ter estreado esse mês, essa peça-metragem é, na verdade, seu primeiro texto. Destaco esse fato, apenas porque esse texto não tem cara de ser o primeiro, sabe? É um texto maduro, bem definido. É um texto com personagens muito bem desenvolvidos que levam a história de uma cena a outra, de um espaço a outro com muita facilidade. Definitivamente, um texto “sem barrigas”.

Aliny Ulbricht e Bruno Dubeux dividem a cena no espetáculo que aborda a gordofobia, entre outros temas Foto: DuHarte Fotografia/Divulgação

Um rapaz está sendo acusado de assassinar 12 mulheres obesas, estamos em um tribunal. Depois, passamos pelo primeiro encontro do rapaz com uma mulher em um café dentro de uma livraria. Seguimos para o relacionamento dos dois de dentro de um apartamento. Acompanhamos o rapaz em um bar; voltamos ao apartamento; vamos para uma praia. Sim, ele é culpado, não temos dúvida. A trama se desenvolve e ficamos a par do motivo de tal atitude. Herton Gustavo Gratto não deixa de nos surpreender. “Eu te amo como eu nunca amei em toda minha vida”.

Marcela Rodrigues assina o cenário e dirige esse texto dando bastante valor às palavras escritas, ao ponto de que os atores escrevem parte das rubricas, nomes dos personagens, falas… Tem um momento em que a atriz cozinhando, corta a palavra cebola indicando o que está fazendo. Bati palma em casa sozinha. Toda a sacação dos atores com o cenário desenhado em giz está muito bem executada. Um arraso!

Nos figurinos iguais nos dois atores, Tiago Ribeiro deixa os atores livres para fazer todos os personagens que representam, sem se preocupar em trocar uma peça de roupa. A trilha sonora de Federico Puppi se entrelaça com a iluminação de Luiz Paulo Nenen dando ambientação às cenas tanto quanto às emoções dos personagens.

Em cena, Aliny Ulbrich e Bruno Dubeux atuam em cumplicidade e sintonia. Eles sabem os fatos e não têm pressa em dividir com a plateia. Eles se divertem!

Aliny Ulbrich faz um discurso inspirado logo no começo do espetáculo. Bruno Dubeux, que além de ator é idealizador do projeto, se transforma em um animal ciumento na nossa frente.

Um aperto de mão efusivo e até a próxima semana.
Dúvidas, críticas ou sugestões, envie para luciana@rioencena.com.

SERVIÇO

Local: Youtube – Canal Amores Flácidos | Sessões: Peça liberada sempre entre as 20h de sexta até 8h de segunda | Temporada: Até 04/10 | Elenco: Aliny Ulbricht e Bruno Dubeux | Direção: Marcela Rodrigues | Texto: Herton Gustavo Gratto | Classificação: Não informada | Entrada: Gratuita | Gênero: drama | Duração: 60 minutos


EM CARTAZ: Confira a programação teatral (presencial e online) do Rio

PUBLICIDADE

Leia Também

PUBLICIDADE
Assine nossa newsletter e receba todo o nosso conteúdo em seu e-mail.