Busca
Menu
Busca
PUBLICIDADE

Claudia Ohana e Juliana Knust interpretam as estrelas Maria Callas e Marilyn Monroe em ‘Parabéns, Sr. Presidente’, que estreia na Barra

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

RIO – O encontro entre duas das maiores estrelas internacionais do século passado é retratado em “Parabéns, Sr. Presidente – In Concert”, comédia dramática que estreia no Teatro dos Grandes Atores no próximo dia 25. Em cena, Juliana Knust e Claudia Ohana interpretam, respectivamente, a atriz Marilyn Monroe (1926-1962) e a cantora Maria Callas (1923-1977), mas não somente como as divas que o mundo conheceu, mas também como duas mulheres que, como qualquer outra, convivem com dúvidas, medos e inseguranças.

SERVIÇO

Local: Teatro dos Grandes Atores | Endereço: Shopping Barra Square – Avenida das Américas, Nº 3.555 – Barra da Tijuca. | Telefone: (21) 3325-1645 | Sessões: Sábados às 19h e às 21h | Temporada: 25/09 a 04/12 | Elenco: Claudia Ohana e Juliana Knust | Direção: Fernando Philbert | Texto: Fernando Duarte e Rita Elmôr | Classificação: 12 anos | Entrada: R$ 50 (venda promocional pela internet); R$ 60 (ingresso promocional na bilheteria e somente em dinheiro) | Bilheteria: Divertix ou na bilheteria do teatro | Gênero: Drama cômico | Duração: 60 minutos | Capacidade: 142 lugares (devido ao decreto fica estabelecida a capacidade em 40% da lotação)


TEATRO PRUDENTIAL: sala projetada por Niemeyer recebe shows com duas plateias, na frente e nos fundos

PUBLICIDADE
Juliana Knust (E) e Claudia Ohana interpretam, respectivamente, a atriz Marilyn Monroe e a cantora Maria Callas, ambas divas norte-americanas e ícones internacionais da feminilidade do século XX Fotos: Pino Gomes/Divulgação
O encontro entre as duas acontece em 1962, no Madison Square Garden, no aniversário de 45 anos do ex-presidente John F. Kennedy, onde ambas fizeram apresentações musicais; a de Maria foi considerada a melhor da noite, mas a de Marilyn se eternizou com o "Happy bithday, Mr. President"
Na primeira versão do espetáculo, que estreou em 2020, antes da pandemia, Danielle Winits ficou com o papel de Marilyn Monroe, enquanto Christine Fernandes interpretou Maria Callas
Embora coloque em cena duas mulheres famosas há 50 anos, o texto usa humor, ironia e sutileza para falar de questões que afetam as mulheres em geral e até os dias atuais, como a divisão entre afeto e realização, além do conflito diante do papel a ser desempenhado num mundo ainda regido por homens
Além de dúvidas, medos e inseguranças, Maria Callas e Marilyn Monroe tiveram outro ponto em comum: a morte precoce, já que Callas morreu aos 54 anos e Monroe, aos 36
Marilyn, inclusive, veio a falecer apenas dois meses após o icônico encontro; ela foi encontrada já sem vida, em sua casa, no dia 05 de agosto de 1962
A temporada de "Parabéns, Sr. Presidente - In Concert" vai até o dia 04 de dezembro
PUBLICIDADE
Assine nossa newsletter e receba todo o nosso conteúdo em seu e-mail.