Morre João Madeira, criador do Prêmio Shell de teatro

Do Rio Encena

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Jão Madeira criou o Prêmio Shell de teatro em 1988 Foto: Reprodução/Internet

Morreu nesta quarta-feira (28), aos 76 anos, João Madeira, criador do Prêmio Shell de teatro, a mais antiga premiação do setor no Rio de Janeiro. O executivo havia sido vítima de um infarto em 2019 e estava internado na Clínica São Vicente, na Gávea, depois de ter sofrido uma queda em casa há cerca de 100 dias. O velório está amrcado para essa quinta (29) na capela 2 do Memorial do Carmo, no Caju, a partir das 11h, com cremação às 13h.

Ex-executivo da gigante do ramo de combustíveis – e com passagem também por outra grande corporação, a Coca-Cola – João criou a premiação específica para o teatro em 1988, já que desde 1981 havia o Prêmio Shell de música. Entre 2009 e 2015, ele fez parte do júri que escolhia os espetáculos vencedores.

Além de idealizador do Prêio Shell de teatro – que também é realizado em São Paulo – João Madeira também atuou no grupo cultural AfroReggae, onde coordenou parcerias institucionais por mais de 10 anos.

A Shell publicou em seu site oficial uma nota de pesar, prestando solidariedade a amigos e familiares de João Madeira e exaltando a “sua contribuição para o desenvolvimento do teatro brasileiro” como um de seus grandes legados.

PUBLICIDADE
Scroll Up