Silvero Pereira atua em peça sobre métodos online de criação e fazer artístico virtual; sessões são via Instagram

Do Rio Encena

Tempo estimado de leitura: 2 minutos

Além de atuar, Silvero Pereira também assina a criação da peça virtual Fotos: Éden Barbosa/Divulgação

Se devido à pandemia de Covid-19 a única forma atual de se apresentar com uma peça de teatro é pela Internet, por que não usar esta oportunidade para falar exatamente de métodos online de criação e fazer artístico virtual? E é exatamente esta a proposta de “Metrópole Online”, espetáculo do Centro de Artes UFF (Universidade Federal Fluminense) que será transmitido ao vivo pelo Instagram a partir desta sexta-feira (10), às 20h – confira o valor e outras informações no serviço completo no fim da página. Com texto de Rafael Barbosa, a peça tem criação e atuação de Gyl Giffony e Silvero Pereira, que ficou famoso no Rio de Janeiro nos últimos anos por peças de temática LGBT como “BR-Trans” e “Uma Flor de Dama”.

Cada um de sua casa, os atores dão vida aos irmãos Caetano e Charles, que, durante várias chamadas por celular, quebram o distanciamento que teve início entre eles antes mesmo deste causado pelo novo coronavírus. Neste contato virtual, os dois passeiam por passado, presente e futuro, misturando desejos, frustrações e coragens e refletindo sobre o quanto a vida pode pulsar, ou não, numa cidade.

A trama do espetáculo – que é uma remontagem da peça homônima, estrelada por Gyl e Silvero, que estreou em 2012 no Ceará – é desenvolvida com o auxílio de elementos de linguagem característicos do próprio Instagram, como a live compartilhada, filtros e outros recursos. Um dos objetivos com isto é proporcionar ao público uma inventiva experimentação – inclusive, após a última sessão, no dia 18, haverá um bate-papo online com os atores sobre o processo criativo e curiosidades.

Gyl Giffoni (E) e Silvero Pereira em cena da montagem original de “Metrópole”

Outra preocupação do Centro de Artes UFF – que pela primeira vez promove uma obra de artes cênicas adaptada para a internet – foi não se limitar a transpor a linguagem cênica para o meio virtual, mas também dialogar com outras matérias, espaços e suas possibilidades

As sessões de “Metrópole Online” – que terão todo o ritual de uma apresentação teatral tradicional, com direito aos sinais para o início – fazem parte de uma série de projetos para redes sociais do Centro de Artes UFF, que ainda em julho contará com a Orquestra Sinfônica Nacional UFF e o UFF Debate Brasil, cujo próximo tema é a banalidade do “Novo Normal”.

SERVIÇO

Local: Instagram (perfil @sala_de_espetaculos)
Sessões: Sexta e sábado às 20h
Período: 10/07 a 18/07
Elenco: Gyl Giffony e Silvero Pereira
Direção: Gyl Giffony e Silvero Pereira
Texto: Rafael Barbosa
Classificação: 14 anos
Entrada: R$10,00 (valor individual. Comprando o ingresso, é possível assistir em qualquer um dos dias de transmissão)
Gênero: Drama
Duração: 50 minutos

PUBLICIDADE
Scroll Up