Busca
Menu
Busca
PUBLICIDADE

Arlete Salles contracena pela primeira vez com filho e neto na comédia dramática ‘Ninguém dirá que é tarde demais’

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Tempo estimado de leitura: 2 minutos
Arlete Salles entre o neto Pedro Medina (E), o filho Alexandre Barbalho (D) e o ator Edwin Luisi Foto: Divulgação

RIO – A verdade é que nunca se está velho demais para se ter uma nova experiência. Que o diga Arlete Salles! Com quase 80 anos de vida, mais de 20 espetáculos e de 70 trabalhos na TV, entre novelas, séries e seriados, a atriz está prestes a contracenar pela primeira vez com o filho Alexandre Barbalho e o neto Pedro Medina. O encontro familiar – que tem ainda a participação do ator Edwin Luisi – acontece na comédia dramática “Ninguém dirá que é tarde demais”, que estreia nessa sexta-feira (01/10) no Teatro Riachuelo Rio, onde fica até o dia 31 de outubro.

O espetáculo, que tem direção de Amir Haddad, se passa na pandemia, o que faz com que dois vizinhos septuagenários de prédios diferentes fiquem em casa mais do que gostariam. Enquanto Felipe, papel de Edwin Luisi, vive com o filho Mauro, interpretado por Alexandre Barbalho, Luiza, vivida por Arlete, divide o apê com o neto Marcio, personagem de Pedro Medina, que também assina o texto.

Num raro momento de fuga da quarentena, os dois idosos vão à rua e acabam se esbarrando, o que gera um encontro inusitado. E mesmo sendo muito diferentes entre si – inclusive, com hábitos que incomodariam um ao outro se vivessem debaixo do mesmo teto – os dois têm pontos em comum, como problemas particulares e os impactos sofridos pelo isolamento social. Essa identificação, inclusive, demonstra que ambos ficaram marcados por aquele breve momento frente a frente.

Em meio a um conflito contraditório com o neto, Luiza lembra com carinho dos minutos passados na companhia do desconhecido. Já Felipe, que enfrenta dificuldades financeiras ao lado do filho, sonha em descobrir a identidade daquela mulher. Um certo dia, enfim, eles voltam a se encontrar. Mas seria tarde demais?

SERVIÇO

Local: Teatro Riachuelo | Endereço: Rua do Passeio, 38 – Centro. | Telefone: (21) 3554-2934 | Sessões: Quintas, sextas e sábados às 20h, domingos às 19h | Temporada: 01/10 a 31/10 | Elenco: Arlete Salles, Edwin Luisi, Alexandre Barbalho e Pedro Medina | Direção: Amir Haddad | Texto: Pedro Medina | Classificação: 12 anos | Entrada: Entre R$ 25 e R$ 100 Bilheteria: Sympla | Gênero: drama | Duração: 90 minutos | Capacidade: Não informada


EM CARTAZ: Confira a programação teatral do Rio

PUBLICIDADE

Leia Também

PUBLICIDADE
Assine nossa newsletter e receba todo o nosso conteúdo em seu e-mail.