Prêmio Botequim Cultural 2019: ‘A Cor Púrpura’ e ‘Nastácia’ são destaques na lista do segundo semestre

Do Rio Encena

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

“A Cor Púrpura” e “Nastácia” receberam 11 e ito indicações, respectivamente Fotos: Divulgação

A organização do Prêmio Botequim Cultural divulgou nesta quarta-feira (08) a lista de indicados do segundo semestre a melhores de 2019. Entre os espetáculos citados, os grandes destaques foram o musical “A Cor Púrpura” e o drama “Nastácia”, que irão concorrer na oitava edição, respectivamente, em 11 e oito categorias.

Além destas montagens, outras também ficaram bem cotadas na corrida pelo prêmio. O drama “Estado de Sítio” e o infantil “Vamos Comprar um Poeta” receberam, respectivamente, seis e cinco indicações.

Os números elevados de indicações se dão por conta da quantidade de categorias: um total de 23, que são divididas em blocos que visam prestigiar diferentes segmentos teatrais como musical e infantil, e seus respectivos profissionais e técnicos.

Definidos pelo júri formado por Gilberto Bartholo, Sergio Fonta, Wagner Correa de Araújo e Zé Helou, além de Renato Mello,, idealizador da premiação e do blog homônimo, indicados do segundo e do primeiro semestre concorrerão na votação popular, programada para começar no próximo dia 13. No ano passado, houve pela primeira vez a realização de uma cerimônia de entrega aos vencedores. A ideia é repetir a festa em 2020, mas ainda não há confirmação de local e data.

DRAMA/COMÉDIA
Melhor Espetáculo
“3 Maneiras de Tocar no Assunto”
“Estado de Sítio”
“Nastácia”

Melhor Direção
Cesar Ferrario por “Meu Seridó”
Gabriel Villela por “Estado de Sítio”
Miwa Yanagizawa por “Nastácia”

Melhor Autor(Original/Adaptado)
Leonardo Netto por “3 Maneiras de Tocar no Assunto”
Fernando Philbert e Thelmo Fernandes por “Diário do Farol”
Pedro Brício por “Nastácia”

Melhor Ator
Elias Andreato por “Estado de Sítio”
Leonardo Netto por “3 Maneiras de Tocar no Assunto”
Thelmo Fernandes por “Diário do Farol”

Melhor Atriz
Ana Beatriz Nogueira por “Relâmpago Cifrado”
Débora Lamm por “A Ponte”
Flavia Pyramo por “Nastácia”

TEATRO MUSICAL
Melhor Espetáculo
“A Cor Púrpura, o Musical”
“Lembro Todo Dia de Você”

Melhor Diretor
Tadeu Aguiar por “A Cor Púrpura, o Musical”
Zé Henrique de Paula por “Lembro Todo Dia de Você”

Melhor Autor(Original/Adaptado)
Artur Xexéo por “A Cor Púrpura, o Musical”
Fernanda Maia por “Lembro Todo Dia de Você”

Melhor Ator
Davi Tápias por “Lembro Todo dia de Você”
Guilherme Calzavara por “Roda Viva”

Melhor Atriz
Anna Toledo por “Lembro Todo Dia de Você”
Letícia Soares por “A Cor Púrpura, o Musical”

TEATRO INFANTOJUVENIL
Melhor Espetáculo
“O Príncipe Poeira e a Flor do Coração”
“Suelen Nara Ian”
“Vamos Comprar um Poeta”

Melhor Direção
Débora Lamm por “Suelen Nara Ian”
Duda Maia por “Vamos Comprar um Poeta”
Saulo Sisnando por “O Príncipe Poeira e a Flor do Coração”

Melhor Autor(Original/Adaptado)
Clarice Lissovsky por “Vamos Comprar um Poeta”
Luísa Arraes por “Suelen Nara Ian)”
Saulo Sisnando por “O Príncipe Poeira e a Flor do Coração”

Melhor Ator
Fabrício Polido por “O Príncipe Poeira e a Flor do Coração”
Luan Vieira por “Vamos Comprar um Poeta”
Sérgio Kauffmann por “Vamos Comprar um Poeta”

Melhor Atriz
Carolina Pismel por “Piquenique”
Letícia Medella por “Vamos Comprar um Poeta”
Luísa Vianna por “Suelen Nara Ian”

ATOR/ATRIZ EM PAPEL COADJUVANTE(sem distinção de segmento)
Melhor Ator em Papel Coadjuvante
Alan Rocha por “A Cor Púrpura, o Musical”
Julio Adrião por “Nastácia”
Odilon Esteves por “Nastácia”

Melhor Atriz em Papel Coadjuvante
Carolina Pismel por “Os Impostores”
Flávia Santana por “A Cor Púrpura, o Musical”
Suzana Nascimento por “Os Impostores”

CATEGORIAS TÉCNICAS(sem distinção de segmento)
Melhor Direção Musical
Azulllllllll por “Monstros”
Ricco Vianna por “Angels in America”
Tony Luchessi por “A Cor Púrpura, o Musical”

Melhor Cenografia
André Cortez por “Fim de Caso”
Natália Lana por “A Cor Púrpura o Musical”
Ronaldo Fraga por “Nastácia”

Melhor Figurino
Dani Vidal e Ney Madeira por “A Cor Púrpura, o Musical”
Gabriel Villela por “Estado de Sítio”
Ronaldo Fraga por “Nastácia”

Melhor Iluminação
Ana Luzia Molinari de Simoni por “Os Impostores”
Maneco Quinderé por “Fim de Caso”
Rogério Wiltgen por “A Cor Púrpura, o Musical”

Melhor Direção de Movimento/Coreografia
Marcia Rubin por “3 Maneiras de Tocar no Assunto”
Paulo Mantuano por “Angels in America”
Sueli Guerra por “A Cor Púrpura, o Musical”

PRÊMIO ESPECIAL(artista, criador ou manifestação relevante ao cenário teatral carioca)
Cavi Borges, pelo projeto peça-filme, valorizando a interação entre o teatro e o cinema.
Geraldo Carneiro, por “Iago”, adaptação de “Otelo”, com viés político e contemporâneo, sob a ótica do vilão.
Rodrigo França, referência ao trabalho de qualidade e militância pela valorização da negritude, com destaque para “Oboró – Masculinidades Negras” e todo seu elenco.

PUBLICIDADE
Scroll Up