Devido à pandemia, Aptr anuncia premiação transmitida ao vivo pela Internet no dia 1º de julho; relembre indicados

Do Rio Encena

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

O musical “A Cor Púrpura” recebeu 11 indicações em 13 categorias Foto: Rafael Nogueira/Divulgação

Se as atividades promovidas pelos artistas de teatro estão acontecendo na Internet atualmente, devido à pandemia do novo coronavírus, por que seria diferente com uma premiação teatral? A 14ª edição do Prêmio Aptr (Associação dos Produtores de Teatro do Rio), que inicialmente estava marcada para abril, será realizada na próxima quarta-feira (01/07) em cerimônia virtual. A própria associação anunciou que irá transmitir ao vivo no seu canal no YouTube a entrega dos prêmios, a partir das 19h. O Prêmio Shell já havia feito o mesmo em abril.

A partir dos votos do júri formado por Bia Radunsky, Carmen Luz, Daniel Schenker, Lionel Fischer, Macksen Luiz, Maria Siman, Rafael Teixeira, Rodrigo Fonseca, Tânia Brandão, Wagner Correa, além da comissão organizadora, um total de 21 espetáculos apresentados em 2019 foram citados para esta disputa do Prêmio Aptr. O grande destaque é “A Cor Púrpura – O Musical”, inspirado em livro sobre igualdade de gêneros, que recebeu 11 indicações em 13 categorias – inclusive a de Melhor Espetáculo.

Outras produções bem cotadas são “3 Maneiras de Tocar no Assunto”, com sete indicações, e “Nastácia” e “As Crianças”, com seis, cada uma.

Além da entrega dos prêmios, está garantida também a homenagem a Ney Latorraca, pelos 75 anos de idade e 55 de carreira. Já a forma como será feita a cerimônia não foi confirmada pela Aptr, que, no Facebook, informou apenas data e horário. O RIO ENCENA entrou em contato com representantes da associação, que não revelaram quem estará presente na ocasião, se apenas os apresentadores ou alguém mais. Nenhuma nota, comunicado ou release havia chegado até o fechamento desta nota.

INDICADOS

Autor
Adalberto Neto por “Oboró – Masculnidades Negras”
Jéssika Menkel por “Cálculo Ilógico”
Leonardo Netto por “3 Maneiras de Tocar no Assunto”
Pedro Brício por “Nastácia”
Vinícius Calderoni e Gregório Duvivier por “Sísifo”

Direção
Fabiano de Freitas por “3 Maneiras de Tocar no Assunto”
Gabriel Vilella por “Estado de Sítio”
Miwa Yanagizawa por “Nastácia”
Rodrigo Portella por “As Crianças”
Tadeu Aguiar por “A Cor Púrpura – O Musical”

Cenografia
André Cortez por “Sísifo”
Bia Junqueira por “Eu, Moby Dick”
Natalia Lana por “A Cor Púrpura – O Musical”
Rodrigo Portella e Julia Deccache por “As Crianças”
Ronaldo Fraga por “Nastácia”

Figurino
Gabriel Vilella por “Estado de Sítio”
João Pimenta por “Merlin e Arthur – Um Sonho de Liberdade”
Ney Madeira e Dani Vidal por “A Cor Púrpura – O Musical”
Ronaldo Fraga por “Nastácia”
Wanderley Gomes por “Oboró – Masculnidades Negras”

Iluminação
Anna Turra, Camila Schimidt e Rogério Velloso por “Merlin e Arthur – Um Sonho de Liberdade”
Maneco Quinderé por “Angels in America”
Paulo Cesar Medeiros por “As Crianças”
Renato Machado por “3 Maneiras de Tocar no Assunto”
Rogério Wiltgen por “A Cor Púrpura – O Musical”

Música
Alfredo Del Penho e Beto Lemos por “Macunaíma – Uma Rapsódia Musical”
Bea por “Meus Cabelos de Baobá”
Cesar Lira e André Muato por “Oboró – Masculnidades Negras”
Rodrigo Marçal e Leonardo Netto por “3 Maneiras de Tocar no Assunto”
Tony Lucchesi por “A Cor Púrpura – O Musical”

Direção de Movimento
Amália Lima Macinaíma por “Macunaíma – Uma Rapsódia Musical”
Marcia Rubin por “3 Maneiras de Tocar no Assunto”
Regina Miranda por “Romola e Nijinsky”
Sueli Guerra por “A Cor Púrpura – O Musical”
Valéria Monã por “Oboró – Masculnidades Negras”

Ator Coadjuvante
Alan Rocha por “A Cor Púrpura – O Musical”
Alfredo Del Penho por “Macunaíma – Uma Rapsódia Musical”
Chico Carvalho por “Estado de Sítio”
Fábio Enriquez por “Macunaíma – Uma Rapsódia Musical”
Patrick Amstalden por “Merlin e Arthur – Um Sonho de Liberdade”

Atriz Coadjuvante
Claudia Ventura por “A Verdade”
Flavia Santana por “A Cor Púrpura – O Musical”
Kacau Gomes por “Merlin e Arthur – Um Sonho de Liberdade”
Lilian Valeska por “A Cor Púrpura – O Musical”
Patrícia Selonk por “Angels in America”

Ator Protagonista
Gilberto Gawronski por “A Ira de Narciso”
Kiko Mascarenhas por “Todas as Coisas Maravilhosas”
Leonardo Netto por “3 Maneiras de Tocar no Assunto”
Mario Borges por “As Crianças”
Thelmo Fernandes por “Diário do Farol – Uma Peça Sobre a Maldade”

Atriz Protagonista
Analu Prestes por “As Crianças”
Debora Lamm por “A Ponte”
Flávia Pyramo por “Nastácia”
Jéssica Menkel por “Cálculo Ilógico”
Letícia Soares por “A Cor Púrpura – O Musical”

Especial
Elenco do espetáculo “As Comadres”
Movimento Teatro Negro do Rio de Janeiro
Marte Paret por “História Veladas”, espetáculo em que atrizes interpretam suas histórias através de investigação do memorialismo feminino
Circo Crescer e Viver pelos 20 anos de atuação na Praça XI

Espetáculo
“3 Maneiras de Tocar no Assunto”
“A Cor Púrpura – O Musical”
“As Crianças”
“Estado de Sítio”
“Nastácia”

PUBLICIDADE
Scroll Up